Newsletter


Cadastre-se e receba informações
da Clínica Herter





Av. Independência, 1211 - Cj. 201 - CEP 90035-077 - Porto Alegre - RS - (51) 3311.0671 - 3311.0075




Falando sobre a atuação fonoaudiológica na reabilitação de pacientes com câncer de cabeça e pescoço
Andréa Pereira da Silva

A atuação do fonoaudiólogo no setor de Câncer de Cabeça e Pescoço é relativamente nova, mas de conhecida importância. Sabe-se que este tipo de patologia requer a atuação de uma equipe multidisciplinar integrada, onde a troca de informações e a discussão dos casos somente trazem benefícios ao paciente, viabilizando uma reabilitação mais satisfatória e uma reintegração social adequada.

A fonoaudiologia na área de Cabeça e Pescoço atua na reabilitação de seqüelas cirúrgicas que venham comprometer voz, fala e/ou mastigação, sucção e deglutição. O fonoaudiólogo pode atuar nas fases pré-cirúrgica, pós-cirúrgica e fonoterápica, propriamente dita.

O atendimento pré-cirúrgico pode ser realizado no ambulatório e/ou consultório ou na internação para a cirurgia, onde o profissional atua de forma esclarecedora com relação ao que irá acontecer e como uma forma de vínculo terapêutico inicial, determinante para a reabilitação posterior.

O atendimento pós-cirúrgico visa basicamente reforçar as informações dadas no período pré-cirúrgico, tranqüilizar o paciente quanto às dificuldades de comunicação daquele momento, chamar a atenção para os aspectos provisórios e reforçar a ajuda que podemos dar a ele para as mudanças que forem definitivas. Na fase da fonoterapia, após a liberação médica, faz-se a avaliação do paciente para saber como estão todas as estruturas ligadas a fala, voz e/ou mastigação, sucção e deglutição.

Vários aspectos devem ser avaliados, assim como analisados junto à equipe aspectos da cirurgia, condições clínicas, prognóstico, sendo então traçado o planejamento terapêutico, iniciando-se a terapia fonoaudiológica. Assim sendo, a fonoaudiologia integrada a uma equipe de reabilitação em oncologia seja com adultos ou crianças, pode auxiliar tanto antes, quanto durante e /ou após uma intervenção cirúrgica no tratamento integral do paciente e seus familiares.



< voltar